Você conhece bem a sua marca pessoal?

Você conhece bem a sua marca pessoal?

Em um mundo sempre mais competitivo, profissionais das mais diversas áreas precisam se posicionar cada vez melhor e de forma mais assertiva. Se você parar e analisar a sua carreira com um olhar de marketing, algumas perguntas surgirão de imediato: eu reconheço bem a minha marca pessoal? Como as pessoas me enxergam? Quais são os meus pontos fortes? O que estou fazendo para me posicionar melhor e, principalmente, existem oportunidades que não estou aproveitando para atingir os meus objetivos?

Entender bem o seu produto (você) é fundamental para um bom posicionamento de mercado. Para ajudar no entendimento eficaz da sua marca pessoal, uma dica interessante é fazer uso de uma matriz bastante usada no mundo dos negócios, refiro-me a matriz SWOT aplicada a você mesmo.

SWOT é a sigla dos termos em inglês Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças). Analisando o seu posicionamento profissional através da matriz SWOT, você poderá criar estratégias afim de explorar melhor as suas potencialidades e também se preparar para superar ou minimizar as suas deficiências.

As forças e as fraquezas dizem respeito a atributos internos, ou seja, suas atitudes e comportamentos, aquilo que você de certa forma pode controlar. Já as oportunidades e ameaças dizem respeito a fatores externos, ou seja, situações que podem ocorrer independente de sua ação pessoal.

Uma dica interessante é pedir para amigos ou colegas de trabalho ajudarem com uma visão sobre você. Peça para eles enumerarem pontos fortes e fracos que enxergam em sua imagem pessoal. Faça buscas na internet sobre o seu mercado e analise profissionais da sua mesma faixa de atuação. Não tenha receio de stalkea-los, isso será muito útil e irá ajuda-lo a preencher a matriz, traçando um perfil sobre a sua marca.

Por: Bruno Oliveira

Fonte: Administradores.com